FERNANDO NOGUEIRA GURGEL


Nasceu no dia 14 de setembro de 1931, na cidade de Senador Pompeu - CE, filho de Francisco Gurgel Valente e Dulce Nogueira Riquet (Valente).
Lembro-me de que, quando adulto, morou em Otávio Bonfim numa casa (hoje inexistente) que ficava no primeiro quarteirão da rua Justiniano de Serpa. Nessa casa, vizinha à de sua mãe, dona Dulce, Fernando e a esposa Rosimar Maria de Lima Gurgel viveram seus primeiros anos de casados. Fernando era à época vendedor da Fábrica Siqueira Gurgel. Algum tempo depois, mudaria de endereço para uma casa no Monte Castelo e deste bairro, finalmente, se transferiria para a Aldeota.
Fundou, em junho de 1965, juntamente com José Gurgel Filho, a Metalgráfica Cearense S/A - MECESA, uma indústria pioneira no Ceará no campo das embalagens e rolhas metálicas. E foi, durante muito tempo, o diretor-presidente da empresa (foto de sua fachada principal) que está situada no bairro Ellery . No período de 1965/68, também presidiu o Usina Ceará Atlético Clube, um time da primeira divisão do futebol cearense e com sede em Otávio Bonfim.
Por seus fortes laços com a Marinha de Guerra do Brasil, iniciados ao tempo em que ingressou na Escola de Aprendizes Marinheiro do Ceará, Fernando Gurgel foi agraciado pelas Forças Armadas com diversos títulos e comendas. Outras instituições também lhe conferiram um grande número de diplomas, medalhas, placas, brasões, troféus (Sereia de Ouro em 1993) e outros títulos honoríficos.
Fernando Nogueira Gurgel faleceu em 12 de fevereiro de 2001, em Fortaleza - CE. Foi uma das figuras mais representativas do empresariado em nosso Estado. Estive com ele, em apenas duas ocasiões, o tempo suficiente para testemunhar a fidalguia com que ele recebia as pessoas.
Paulo Gurgel Carlos da Silva
Links: FIEC, Sereia de Ouro e Mecesa.

Nenhum comentário: